Último capítulo de “Amanhã é Para Sempre” tem melhor audiência desde “Meu Coração é Teu”

O SBT exibiu na noite desta sexta feira (3), o último capítulo da novela mexicana “Amanhã é Para Sempre”, que sai de cena sendo o maior sucesso do horário desde “A Gata” (2016), encerrando com uma média geral de 7,3 pontos na Grande São Paulo, resultado dentro da meta esperada pela emissora. Em seu desfecho, o folhetim protagonizado por Sílvia Navarro, Lúcero e Fernando Kolunga, obteve uma excelente audiência e cravou o melhor resultado em um último capítulo desde “Meu Coração é Teu”, exibida originalmente em 2016 pela emissora de Sílvio Santos. Confira como ficou a média preliminar do folhetim:

A trama, exibida entre 18h31 e 19h43, marcou segundo dados preliminares do Kantar Ibope 8,7 pontos de média e chegou a picos de 9,6 pontos na Grande São Paulo, somando ainda 12,9% de participação total em share. Com o resultado o folhetim ficou na terceira colocação isolada, atrás da Rede Globo (25,4 pontos) e RecordTV (11,2 pontos). 

A partir da próxima segunda feira (6), a trama mexicana dará lugar a uma reprise da novela infantil “Carrossel”, que servirá como teste para a abertura de um novo horário para reprises infantis da emissora de Sílvio Santos. Espera-se que o folhetim obtenha médias acima de 8 pontos, o que seria suficiente para levantar o prime-time da emissora, que ainda encontra dificuldades para vencer a RecordTV na faixa das 18h às 21h. 

Dados preliminares do Kantar Ibope, mostram que “Amanhã é Para Sempre” obteve o segundo melhor resultado de um último capítulo na faixa das 18h30 no SBT, ficando atrás apenas de “Meu Coração é Teu” (10 pontos) e empatado com “A Dona” (09 pontos). Suas antecessoras: “Um Caminho Para o Destino” (7 pontos); “O Que a Vida Me Roubou” (8 pontos) e “A Gata” (7 pontos), foram superadas. “A Feia Mais Bela” e “A Usurpadora”, também exibidas na faixa, tiveram 7 e 8 pontos de média, respectivamente, em seu último capítulo de exibição.

Os dados acima apresentados são preliminares e podem sofrer alterações nos consolidados. Eles refletem a preferência de um seleto grupo de espectadores situados na Região Metropolitana de São Paulo. Cada ponto na capital paulista equivale a 71.855 domicílios ou 201.061 espectadores.

Post Relacionados